segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Sentires a "Preto & Branco"

Foto de Fernando Cardoso
*******
Alma trágica essa que te acompanha
que persegue a luz clara e transparente

e só se encontra

com as trevas

num silêncio duro

omnipresente



A voz

que atira as palavras na página em branco

sabe-se emudecida

e reconhece as horas lisas

os momentos opacos

da dor lancinante aguda

e angustiantemente intolerável


9 comentários:

Eva Gonçalves disse...

Vim pela fábrica de letras. Apesar de achar que poderias ter escolhido outra fotografia para o ilustrares, gostei do poema. E do blogue. Bjo

Teresa disse...

Natália
Nenhum tema podia reflectir tão bem a tua alma a preto e branco. Gosto mais dela branca!
Bjs

F Nando disse...

Preto e branco em cores...
Bjs coloridos

Adolfo Payés disse...

Bello disfrutar tus post.. en este mundo de palabras que acarician el alma..

Un beso


Un abrazo
Con mis
Saludos fraternos

Brown Eyes disse...

A poesia parece-me uma forma de expressão que está ligada a cada um. Os poemas dizem mais a quem os escreve do que a quem os lê. Mesmo assim gostei do poema.

Gingerbread Girl disse...

UM preto e branco de sentimentos muito coloridos. =)

*

Gonçalo disse...

Este desafio anda a correr a net. Já me tentaram para que concorresse...hummmm...vou pensar no assunto!

:)

Beijinhos e um dia feliz!

Natália Augusto disse...

Olá Gonçalo,

É giro participar nestes desafios. Tornamo-nos mais próximos... e também mais criativos.

Beijinho

Eli disse...

Também pensei a "preto e branco".

:)

P.S. EU também VOU!